Notícia

Fiscalização da fase dois da retomada começa sem interdições

Fiscalização da fase dois da retomada começa sem interdições

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) iniciou, ontem (10), as vistorias em academias de ginástica, barbearias, salões de beleza, centros culturais, bibliotecas, museus, galerias de arte, lanchonete, restaurantes e bares. A força-tarefa atua até as 23h e conta com 120 profissionais, incluindo policiais militares. De acordo com a Sedur, até às 16h30 não houve irregularidades por parte dos estabelecimentos visitados. Dentre os espaços visitados na operação estão a academia Alpha Fitness, no Costa Azul, a churrascaria Sal e Brasa, em Pituaçu, além de praças de alimentação em shopping centers da cidade

 O intuito é monitorar se esses estabelecimentos estão cumprindo os protocolos determinados para conter a disseminação do coronavírus, como parte da fase dois do plano de reabertura do comércio.“Estamos fiscalizando com rigor as normas que foram pactuadas entre Prefeitura e os diversos setores do comércio que reabrem hoje. Quem descumprir as regras estará sujeito às sanções previstas em decreto. No entanto, todos os locais que passamos até agora estão cumprindo os protocolos de segurança, o que nos deixou bem animados”, afirma o diretor de Fiscalização da Sedur, Átila Brandão Júnior.

Um dos focos iniciais da fiscalização está sendo bares e restaurantes situados em locais onde o descumprimento às normas contra a pandemia tem sido mais frequente. De acordo com protocolo setorial em vigor, esses estabelecimentos podem reabrir somente a partir das 12h, fechando obrigatoriamente às 23h, de segunda a domingo. Os estabelecimentos localizados em shoppings e centros comerciais seguirão o horário desses empreendimentos.

"Fiscalizamos uma churrascaria e constatamos que, como determina o protocolo, não está havendo rodízio. Eles colocaram um sistema de buffet também cumprindo o protocolo, com funcionários servindo os clientes. Enfim, por enquanto, e para nossa satisfação, tudo está correndo sem problemas", disse Átila Brandão Júnior. 

Vale lembrar ainda que, no caso dos bares e restaurantes, é preciso haver afastamento de dois metros entre as mesas e um metro entre cadeiras de mesas diferentes. O máximo de pessoas permitido é de seis por mesa. O uso de máscaras é obrigatório, sendo liberado apenas no momento da refeição. O cardápio deve ser digital ou plastificado e higienizado a cada uso. 
 
Os protocolos geral e específico de cada setor podem ser acessados no link informe. salvador. ba. gov. br/ coronavirus/ decretos/protocolos.

 

 

 

Entrevista

Uma nova forma de consumir

Uma nova forma de consumir

O consumo colaborativo pode mudar o sistema de produção e economia globais? Para a pesquisadora Ana Cirne Paes de Barros, o mais provável é que as práticas hegemônicas continuem a existir, mas novas formas de consumo se espalhem de forma independente, proporcionando maior autonomia aos consumidores. 

Artigo

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

No Natal de 2016 os baianos receberam um belo presente da concessionária Via Bahia, que administra rodovias federais no estado: o aumento do pedágio em 21,6% na BR-116 e 16% na BR-324. Os reajustes foram autorizados pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Vídeos

Rachel Botsman

Autora do livro "O Que é Meu é Seu - Como o Consumo Colaborativo Vai Mudar o Nosso Mundo", Rachel Botsman diz que estamos conectados para compartilhar. Em 15 minutos, ela tenta te convencer que o consumo colaborativo é o caminho.



Enquete

Você é a favor da legalização dos jogos de azar?


Ver resultado

Se ligue