Notícia

Rosas e orquídeas são as mais procuradas em mercado na Primavera

Rosas e orquídeas são as mais procuradas em mercado na Primavera

Com início ontem (22), a Primavera vai, como sempre, aumentar o movimento no Mercado das Flores, localizado no Largo Dois de Julho e administrado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop). Apresentando uma variedade de plantas floridas, o espaço funciona de segunda-feira a sábado, das 10h às 16h.  

No local, é possível encontrar flores do campo, cactos, girassóis, orquídeas, rosas vermelhas, brancas e amarelas. O casal de comerciante João Lopes e Sueli Guedes, de 57 e 52 anos, trabalha há mais de 15 anos no mercado e relata que o período da Primavera gera um crescimento na procura por rosas vermelhas e orquídeas, valorizando a estação e o trabalho dos comerciantes.  

“Na Primavera, sentimos que as pessoas ficam mais diferentes, com sorrisos largos no rosto. Essa é uma época muito importante, pois, se não existissem flores, não existiriam frutos e também não haveria produção”, diz João.  

Para fortalecer a marca de transição da estação, os comerciantes criam promoções para estimular vendas com valores acessíveis para a população. Dependendo da escolha do cliente, o valor varia entre R$4 e R$60. 

Ieda Ramos, 53 anos, vende mudas de roseiras, cactos e rosas por unidade há mais de 20 anos, e conta que a maior procura dos clientes é pelo preço e pela diversidade de plantas que o Mercado das Flores, reinaugurado após requalificação em novembro de 2016, possui. “O público vem sempre procurar as variedades de preço e promoções que disponibilizamos para eles. Aqui o cliente não sai sem comprar”, garante.

 

 

Entrevista

Uma nova forma de consumir

Uma nova forma de consumir

O consumo colaborativo pode mudar o sistema de produção e economia globais? Para a pesquisadora Ana Cirne Paes de Barros, o mais provável é que as práticas hegemônicas continuem a existir, mas novas formas de consumo se espalhem de forma independente, proporcionando maior autonomia aos consumidores. 

Artigo

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

No Natal de 2016 os baianos receberam um belo presente da concessionária Via Bahia, que administra rodovias federais no estado: o aumento do pedágio em 21,6% na BR-116 e 16% na BR-324. Os reajustes foram autorizados pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Vídeos

Rachel Botsman

Autora do livro "O Que é Meu é Seu - Como o Consumo Colaborativo Vai Mudar o Nosso Mundo", Rachel Botsman diz que estamos conectados para compartilhar. Em 15 minutos, ela tenta te convencer que o consumo colaborativo é o caminho.



Enquete

Você é a favor da legalização dos jogos de azar?


Ver resultado

Se ligue