Notícia

Ferramentas de defesa do consumidor garantem direitos de mais de 20 milhões

Ferramentas de defesa do consumidor garantem direitos de mais de 20 milhões

As ferramentas digitais do Ministério da Justiça e Segurança Pública garantiram atendimento, sem burocracia, para mais de 20 milhões de consumidores que enfrentaram problemas ou dificuldades na compra de algum produto ou serviço.

Divulgado no final de semana, o balanço leva em conta o desempenho do Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec) e da plataforma eletrônica consumidor.gov.br desde sua criação.

Essas ferramentas têm se mostrado úteis para o consumidor. O prazo médio para a solução de demandas é de pouco mais de seis dias. Diante dessa velocidade, o índice de solução chegou a 81% desde que essas plataformas entraram em operação – isso quer dizer eu oito em cada dez demandas são solucionadas.

O Ministério da Justiça explica que Sindec é formado por 486 Procons espalhados por todas as unidades da federação. Apenas postos de atendimento chegaram a 733 no ano passado. Essas ferramentas e todo esse sistema ainda permitiram criar um banco de dados com informações, queixas e comportamento de fornecedores, dados que são importantes na formulação de políticas públicas.

Informações da Agência Brasil

Entrevista

Uma nova forma de consumir

Uma nova forma de consumir

O consumo colaborativo pode mudar o sistema de produção e economia globais? Para a pesquisadora Ana Cirne Paes de Barros, o mais provável é que as práticas hegemônicas continuem a existir, mas novas formas de consumo se espalhem de forma independente, proporcionando maior autonomia aos consumidores. 

Artigo

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

Pedágio da Via Bahia: 21,6% de aumento, 100% de desrespeito

No Natal de 2016 os baianos receberam um belo presente da concessionária Via Bahia, que administra rodovias federais no estado: o aumento do pedágio em 21,6% na BR-116 e 16% na BR-324. Os reajustes foram autorizados pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Vídeos

Rachel Botsman

Autora do livro "O Que é Meu é Seu - Como o Consumo Colaborativo Vai Mudar o Nosso Mundo", Rachel Botsman diz que estamos conectados para compartilhar. Em 15 minutos, ela tenta te convencer que o consumo colaborativo é o caminho.



Enquete

Você é a favor da legalização dos jogos de azar?


Ver resultado

Se ligue

Sua conta veio alta? Confira o que pode vampirizar sua energia

Sua conta veio alta? Confira o que pode vampirizar sua energia

Chuveiro na posição "inverno" consome 30% mais. Banhos mais curtos ajudam a economizar até 40%. Geladeira em má condição consome até 70% da conta do mês. Em casa ou no escritório, tire os aparelhos eletrônicos da tomada quando estão fora de uso, principalmente televisão, aparelhos de DVD/Blue-Ray e de som.